Contatos

(.11) 2983-8003

(11) 96752-3225

Rua Major Dantas Cortez, 102 - São Paulo, SP 0266-000

©  2019 por Cirúrgica Tucuruvi Ltda

Formas de Pagamento

Prevenir acidentes domésticos com idosos

Cerca de 75% dos acidentes com idosos acontecem nas suas próprias casas. Saiba como prevenir acidentes.

Os acidentes com idosos sucedem-se também em alojamentos coletivos (casas de repouso, lares e outras instituições de acolhimento), no ambiente circundante ou mesmo na rua.

Eis alguns conselhos para prevenir acidentes:

  • Pratique exercício físico com regularidade, de modo a melhorar a sua forma física. Faça uma alimentação equilibrada.

  • Seja cuidadoso, de modo a não cometer erros na dosagem dos medicamentos que está tomando.

  • Não beba álcool em excesso.

  • Use sapatos bem ajustados, com solas antiderrapantes (de preferência com ranhuras). Evite usar solas de cabedal e protetores de metal. Os sapatos devem ter saltos largos, calcanhares reforçados e presilhas ou atacadores, de modo a evitar que os pés se movimentem dentro dos sapatos. Evite usar chinelos.

  • Não use camisões de noite ou roupões compridos.

  • Disponha os móveis da casa de maneira sensata. Deixe espaço para poder andar de um lado para o outro sem encontrar obstáculos. Não ande sobre pavimentos escorregadios (molhados ou encerados); os tapetes devem cobrir todo o chão de uma parede à outra ou possuírem forro antiderrapante. A mobília não deve ter rodas e a cama e as cadeiras não devem ser demasiado baixas ou altas. Coloque barras de apoio na banheira, no chuveiro e ao lado do vaso sanitario. Utilize tapetes de borracha antiderrapantes no chuveiro e na banheira.

  • Ilumine convenientemente toda a casa - quarto, corredor, sala, cozinha e banheiro.

  • As escadas devem ter boa iluminação, corrimãos seguros e degraus antiderrapantes.

  • Utilize a visão que tem, nas melhores condições. Se precisar de óculos, use-os.

  • Não coloque no chão tapetes pequenos. Não deixe gavetas abertas.

  • Não deixe fios elétricos ou do telefone no chão. Fixe-os às paredes.

  • Mantenha todos os utensílios elétricos em boas condições de funcionamento e a salvo de salpicaduras de água. Nunca os utilize quando estiver mexendo em água.

  • O aquecimento deve ter boa ventilação e devem ser usadas redes de proteção nas lareiras.

  • O jardim, o pátio, as passagens para carros e passeios devem estar desimpedidas, sem buracos, fendas ou outras irregularidades.

  • Procure não estar sozinho. Não se isole, pois isso pode atrasar a chegada de ajuda do exterior no caso de acidente.

  • Esteja atento a movimentos inesperados de animais, crianças e bicicletas.

  • Traga consigo uma lanterna e utilize-a para que possa ver e ser visto na escuridão.

  • Não tenha vergonha de pedir ajuda para atravessar a rua.

  • Use bengala, se o seu médico concordar.

  • Tenha uma campainha perto de você, sempre que possível.

Se acontecer um acidente:

 

  • Se cair, procure levantar-se de forma correta - dobre-se sobre o estômago, ponha-se de joelhos e gatinhe até a mobília que se encontre mais próxima de você. Coloque as mãos sobre ela e ponha um dos pés à frente, bem firme no chão. Levante-se e, em seguida, sente-se, até se encontrar recuperado.

  • Se não conseguir levantar-se, tente pedir ajuda - a colocação de uma campainha no chão do quarto, debaixo de uma cadeira, ou de um telefone, juntamente com os números de emergência num banco baixo, constitui precaução sensata a tomar.

  • Tente manter-se quente até chegar alguém para ajuda-lo. Puxe os tapetes próximos para cima de você, por exemplo, casacos ou os lençóis, o que estiver à mão.

  • Se sofrer um corte ou queimadura, procure a ajuda de um médico ou enfermeiro.

Se sofrer um acidente, não o considere um acontecimento de mau presságio e não limite as suas atividades. Pelo contrário, não se esqueça de que a atividade física o ajuda a manter-se mais saudável.

 

Fonte:
Direção-Geral da Saúde

 

Leia mais sobre: